Mais um vídeo em que tu pergunta e eu respondo. Se tiver mais dúvidas clique aqui ou deixa tua pergunta ali nos comentários. 😉

Daniela Vacari: As pessoas são realmente mais fechadas como dizem ou o humor deles é como nos filmes ingleses? (ou as duas coisas)
Eu diria que as pessoas não são fechadas, bem pelo contrário, são muito de boa. E o humor britânico é único! Cheio de ironia e sátira, um pouco de acidez que pode parecer arrogância aos olhos do brasileiro. O Maurício Meirelles falou disso aqui.

Guilherme Rabelo: Guri, ó guru alcoólatra dos pubs, me responda: qual é a origem do “arms” presente no nome de tantos pubs UK afora? Ex: The Churchill Arms; The Anglesea Arms.
Este arms não é de braço, mas sim de um brasão – um coat of arms. Aparentemente associava-se no passado àquela região – uma família, ou até algum Duke. No entanto isso mudou e as pessoas colocam estes nomes até como forma de satirizar esta época. O mesmo que eu abrir um pub e colocar o nome de Guri Arms ou Gaúcho Arms.

Arthur Sette: Rafa, o Uber foi proibido em Londres, qual as opções semelhantes que voce recomenda ? Abraço !
Na real o Uber não foi proibido. Eles tinham licença pra operar mas o TfL não quis renovar. O Uber se comprometeu em mudar algumas coisinhas então enquanto o processo tramita eles podem operar normalmente. Diz pra mídia ficar na dela e parar de fazer escândalo. hahahah
Mas de qualquer forma recomendo uns apps de transporte com meu código de desconto ó:
Uber: Rafam44ue
Gett; GTUUDOB
Mytaxi: rafa.mac8

Prismatiicz ッ: Rafa, como você aprendeu os phrasal verbs? Decorou ou apenas aprendeu com a prática?
Eu literalmente tive que pesquisar no Google o que eram phrasal verbs. Mas enfim, vale tentar aprender os phrasal verbs decorando mesmo, mas a forma ideal na minha opinião é com a prática. Seja lendo ou assistindo vídeos e filmes, mesmo que não use a fala no dia a dia tanto assim. Como qualquer coisa no idioma a prática é a melhor coisa. Falei de como aprendi inglês neste post aqui.

Gina Cazé: Você em algum momento já pensou em voltar para o Brasil? Ou acha que tudo vale a pena pra morar aí? Em relação a experiência, segurança….tudo vale a pena apesar de estar longe da família, saudade do país, frio….
Não pensei não. Gosto de tudo o que diz respeito a este país. A saudade é muito de boa (tanto de minha parte quanto da minha família); não tenho problema em me adaptar a nenhuma cozinha, então comida é de boa também; e gosto muito de frio, então isso não é problema, na real é solução. hahaha
Mas claro que tem gente que sente isso tudo de forma diferente. Como é pra ti?

Soraya Madeira: Sou professora e só posso viajar em janeiro/fevereiro ou julho, mas tô na dúvida sobre qual período escolher. Não tenho preferência ou inclinação por nenhuma. Dentre essas opções, qual tua opinião sobre qual é melhor? 🙂
Depende muito Soraya. A cara da cidade é diferente dependendo da época do ano – eu gosto muito do inverno, mas valorizo bastante o verão também. A atrações geralmente ficam aberto no mínimo uma hora a mais no verão em comparação ao inverno.
Eu diria que se tiver muita atividade externa o ideal seria colocar no verão mesmo. Mas se não se importar muito com temperatura, eu viria no inverno, já que as atrações não estão tão movimentadas e os preços estão melhores (comparando com julho).

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Rafa Maciel | Guri in London (@guriinlondon) em


Veja ainda:

Planeja tua viagem com os parceiros que eu mesmo uso:

#

2 comentários! Deixa mais um?

  1. Olá, Rafael

    Vou agora em dezembro a Londres e queria informações sobre táxi ou uber para levar 3 pessoas do city Lodon airport ao meu studio, por favor se você tiver um contato que faça esse serviço eu agradeço imensamente.

    Grande abraço
    Eldenice

Deixe uma resposta para Maria Eldenice Rocha Leão Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter do Guri

* indicates required
Booking.com