Chegamos em Taormina de trem e logo de cara a paisagem j√° nos fez babar. Nosso hotel era em cima da montanha e chegar at√© l√° com malas tem que ser de t√°xi ou ser um esportista profissional. ¬†‚ā¨ 25 resolveram a situa√ß√£o.
O hotel Sole Castello tem tr√™s estrelas e funcion√°rios n√£o muito dispostos a ajudarem (ele n√£o gostou de levar mais dois travesseiros e tampouco de ajudar com a TV sem Sky – porque √© muito cara na It√°lia). Quando fomos pedir pra renovar o acesso √† internet (que deve ser feito a cada 24 horas), a atendente n√£o conseguia achar o recibo e alegou que deveria ser pago novamente a taxa de ‚ā¨ 5, mandou a gente achar o papel, e acabou gritando com a gente. Em plena recep√ß√£o.

O quarto n√£o possu√≠a ar condicionado ‚Äúdevido √† √©poca do ano‚ÄĚ, segundo eles. Tem custo pra usar a internet que s√≥ pega na recep√ß√£o e at√© o cofre que s√≥ tem na recep√ß√£o; e os quartos n√£o tem frigobar. Nem na recep√ß√£o. E n√£o pode levar comida nem bebida pra dentro do hotel, ou seja, deu fome? Ferrou!
Pra compensar tudo isso, uma piscina grande e nada tumultuada; e a melhor vista que poder√≠amos ter: cruzeiros atracando no porto e voltando pro mar J√īnico durante o dia; a imensid√£o invadindo nossos olhos; as ruelas apertadas logo abaixo; e fazendo o baita esfor√ßo de girar a cabe√ßa um pouco pra direita a vista √© pro gigante Etna, o maior vulc√£o da Europa.

Resolvemos descer o morro a p√©. Passamos em frente ao Santu√°rio Madonna Della Rocca, ali constru√≠da no s√©culo XII dentro da rocha (da√≠ o nome), e descemos os 537 degraus das escadas de toda a colina em 15 minutos. Conhecemos a parte mais antiga da cidade e n√£o entramos no Teatro Greco pois uma parte dele estava fechada e pode ser que os ‚ā¨ 8 n√£o valessem a pena. Pode ser que valessem uma vez que ele √© a ru√≠na mais celebrada da Sic√≠lia e com bons motivos: ele foi constru√≠do no s√©culo III antes de Cristo. Leia-se h√° quase 2300 anos atr√°s.
Dali fomos pro Corso Umberto, a rua mais movimentada da cidade (a Oxford Street deles) pra procurarmos um lugar pra comer. No caminho, enquanto a fome aumentava, paramos em várias das lojinhas de artesanato, chapéus e até souvenirs feitos com a larva do vulcão Etna.
Pra voltar pro hotel pegamos o √ļltimo √īnibus que sobe esta parte ‚Äúdo morro‚ÄĚ √†s 18h45! Depois disso? T√°xi ou o Expresso Canelinha ‚Äď as pernas. O √īnibus sai da esta√ß√£o e da parada que tem ao lado da Porta Messina e custou ‚ā¨ 1.90.
De janta fomos at√© o Ristorante Al Saraceno, em Madonna Della Rocca, no alto da colina. Como j√° havia comido pizza e massa (claro), optei por um outro prato com peixe: um ravioli de garoupa com molho de camar√£o, tamb√©m chamado por mim de “uma dili√ßa”! O atendimento do local √© √≥timo e a vista do terra√ßo √© sensacional! Apesar de s√≥ abrir √†s 19h, ainda foi poss√≠vel pegar o p√īr do sol da l√°.

O dia seguinte foi dedicado √† explora√ß√£o da espl√™ndida praia de pedras pequenas. O mar √© calmo e transparente, daqueles que a √°gua bate no pesco√ßo e que tu enxerga teus p√©s perfeitamente, al√©m de nadar em meio a pequenos peixes. Menos eu, que nado mau bagarai. Os dois por√©ns aqui s√£o: primeiro, como chegar √† praia. Senta que l√° vem hist√≥ria! O nosso hotel ficava no topo do morro, como falei, e pra descer pod√≠amos pegar um √īnibus ou descer os 537 “desgraus” (desgra√ßa + degraus) at√© uma via e depois caminhar mais cerca de 10 minutos at√© o local onde tem o telef√©rico que vai at√© a praia. Parte 1 do percurso conclu√≠da com sucesso.¬†
O telef√©rico na real DEVERIA ir at√© a praia se ele estivesse funcionando. Colocaram assim um √īnibus pra substituir o servi√ßo. Perguntei pra atendente qual era o pr√≥ximo √īnibus e ela deu uma batidinha na tabela de hor√°rios mandando me viraaare! Em resumo, s√£o v√°rios hor√°rios, as frequ√™ncias s√£o malucas (de 10 em 10 muda pra hora em hora sem explica√ß√£o ‚Äď Bem-vindo √† It√°lia) e o luxo termina de vez agora: tem que ir espremido se for um dos √ļltimos a entrar.
Pagamos ‚ā¨ 1 e chegamos na praia de Isola Bella, cheia de barracas √† beira-mar, servi√ßos pra turistas, restaurantes, bares, vendedores ambulantes e massagistas ambulantes (#ficaadica Brasil). E √© na praia que entra o por√©m n√ļmero dois: mesmo dentro d‚Äô√°gua, ela √© cheia das pedras pequenas, m√©dias, grandes, gigantes e do tamanho da falta de organiza√ß√£o do pa√≠s. Sa√≠ com o p√© arranhado porque n√£o quis comprar por ‚ā¨ 6 o sapato pl√°stico pra usar dentro d‚Äô√°gua. N√£o tem gra√ßa, da√≠. O legal √© sentir dor as pedras, claro.
Esse por√©ns que citei n√£o s√£o problemas, claro. Se comprar o tal sapatinho o por√©m morre por ali. Ele protege bem o p√©, fica firme o tempo todo e a √°gua entra nele mesmo assim. E quanto ao transporte, tem como pegar t√°xi tamb√©m, ou at√© escolher um hotel na beira da praia ‚Äď se bem que mesmo assim vai precisar de transporte pra ir at√© o centrinho. S√£o entre ‚ā¨ 15 e ‚ā¨ 25 pra dentro da regi√£o de Taormina.
Isso tamb√©m me fez concluir que o melhor jeito de chegar ou sair de Taormina √© de √īnibus, porque a esta√ß√£o ‚Äúrodovi√°ria‚ÄĚ tem √īnibus pros hot√©is do morro, como eu decidi chamar. S√≥ pra lembrar: tem que ter paci√™ncia ao explicar pra onde quer ir.
Taormina tem outras praias além dessa que visitamos, então vale a pena exploraaare um pouco de cada uma delas Рe depois me contaaaare (tá, parei) nos comentários se elas tem menos pedras.
Como contei, comemos pizza e massa, claro, e provamos a deliciosa cassata siciliana, uma sobremesa que lembra um mini-bolo feito com sucos e recheado com ricota e ¬†na cobertura marzipan e frutas caramelizadas. Vale a pena provar ‚Äď com uma garrafinha d‚Äô√°gua do lado porque √© muito doce!.
Por falar em comentários, já foi ou quer ir a Taormina? Deixa dito ali. E caso não tenha lido sobre Messina, a cidade anterior desta viagem, clica aqui. Próximo destino da aventura: Acireale.

Planeje sua viagem com os parceiros que eu confio e uso:

#

Aeee tu é o primeiro! Deixa um comentário?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Excelência TripAdvisor
Pesquise seu hotel
Booking.com
Novidades por e-mail
* indicates required
MEUS PARCEIROS