Uma das coisas que me fazem gostar tanto de morar em Londres (outra delas, na verdade) é a facilidade de viajar, uma vez estando aqui. Qualquer lugar é perto, rápido, fácil e se compra com antecedência, barato. Que foi o caso.

Graças a isso, final de semana passado fui visitar uma ex-colega de trabalho na Itália. Ela mora em Belluno, no norte da Itália, na região do Vêneto e não achei que ia gostar e me apaixonar tanto pelo lugar. Em especial eu, que gosto muito mais do frio, estava em casa. Por quê?
Simples, porque tava frio bagarai! Mas n√£o, vai muito al√©m disso…
Antes é bom deixar claro que não é um destino que todo mundo vai, um destino turístico (apesar de saber de gente que já foi pra estes lugares) nem nada. Este é só um relato de como foi meu final de semana passeando pela Europa, afinal essa é a ideia do blog, né? =]

Compramos as passagens pela low coast Ryanair por ¬£ 102 ida e volta com taxas. Chegamos em Bologna, pegamos um carro (cerca de ¬£ 40 pros dois dias) e fomos at√© Longarone. A viagem √© de quase 300km e fizemos isso em duas horas e meia, fazendo duas paradas pelo caminho. Corri muito? N√£o… N√£o sa√≠ do limite de velocidade, que neste caso era de 130 km/h na maioria dos trechos. Ped√°gio tinha sim, o custo foi menos de ¬£ 20 pro trecho todo, e s√≥ pra esta parte da autostrada, que seria essa via de auta-velocidade.

Inclusive, uma dica aqui: se tu for viajar de carro pela It√°lia e precisar pagar ped√°gio, sempre passe no guich√™ que tem um dinheiro desenhado. L√° tu vai retirar o ticket e ao chegar na sa√≠da que tu precisa tu vai inserir o ticket numa outra m√°quina (tamb√©m com o desenho do dinheiro) e ela vai calcular quanto deu tua viagem (dependendo de onde tu come√ßou). Ela aceita cart√£o ou dinheiro e faz troco tamb√©m. N√£o fa√ßa igual eu que fuiquei sem pagar o primeiro trecho (pelo menos at√© agora…).

Que horas s√£o? Pizza o’clock, como sempre! ūüôā

A recep√ß√£o foi genuinamente italiana. Como sei disso? Sa√≠ do meio dos italianos… Sou da Serra Ga√ļcha e sei bem como √© essa forma de recep√ß√£o. Resumindo em uma duas palavra: comida boa. Na primeira noite fomos num restaurante t√≠pico de l√° (que me lembrou as cantinas de Caxias do Sul) e foi muita polenta, carne de porco, de gado e outras coisas que nem lembro o nome (mals a√™). Passamos por um vilarejo com cerca de 80 moradores e mais uma vez lembrei das origens: oito horas da noite e ningu√©m na rua!

No outro dia fomos conhecer a cidade de Cortina D’Ampezzo que tamb√©m √© destino tur√≠stico pra quem mora na Europa. Eles tem um centro de ski ent√£o √© f√°cil ouvir outros idiomas al√©m do italiano. As pessoas se vestem de um jeito √ļnico e o frio aperta um pouco mais (a cidade est√° a mais de 1.000m acima do n√≠vel do mar). Ah sim, tinha neve. Nevou beeem fraquinho enquanto est√°vamos l√°, logo parou, mas tinha neve acumulada de semanas ent√£o a paisagem deu show. Simples.

View this post on Instagram

Hi Italy!
‚ĚĄ‚õĄ

A post shared by Rafa Maciel | Guri in London (@guriinlondon) on

Na volta de lá fomos a Belluno. A cidadezinha tem menos de 40 mil habitantes e é muito conservadinha. Eles tem muitos e muitos prédios antigos também, mas ao contrário de algumas cidades da Sicília, eles são todos conservados, remodelados e alguns ainda em utilização. Nada de abandono por aqui.

No domingo, √ļltimo dia da aventura, sa√≠mos um pouco antes e passamos por Veneza, j√° que era caminho pra ir at√© Bologna. L√° chegando, em pleno dia de Carnaval, uma hora s√≥ pra estacionar, uma caminhada r√°pida pelas ruelas inundadas, um par de fotos e hora de seguir viagem. O gostinho de quero mais ficou, com certeza.

https://instagram.com/p/zI-9BEycSF

A viagem apesar de r√°pida foi muito prazerosa e deliciosa, claro. ūüôā Isso levantou ainda mais minha curiosidade pra descobrir a hist√≥ria dos imigrantes que sa√≠ram daquela mesm√≠ssima regi√£o pra colonizar a regi√£o da Serra Ga√ļcha. Isso tudo h√° cerca de 150 anos atr√°s. E me faz pensar que hoje eu sou o imigrante da hist√≥ria. N√£o precisei colonizar nada, come√ßar nada do zero, mas sou um expatriado como aqueles nobres trabalhadores foram tamb√©m.

Planeje sua viagem com os parceiros que eu confio e uso:

Aeee tu é o primeiro! Deixa um comentário?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Excelência TripAdvisor
Pesquise seu hotel
Booking.com
Novidades por e-mail
* indicates required
MEUS PARCEIROS