• O Guri foi

    O Guri foi: BST Hyde Park ⭐⭐⭐

    Junto com o ~verão~ inglês, também chegam os festivais. Por todo o Reino pessoas de todas as idades se juntam em frente a um palco gigante pra assistir várias bandas, descobrir música nova, beber, se divertir, comer porcaria e dormir mal. Ano passado fui no V Festival e este ano no BST Hyde Park e ó como foi: S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L! As bandas ajudaram, claro, mas mesmo assim tudo colaborou. Como comentei na introdução deste post, os festivais são uma coisa bem tradicional aqui no Reino Unido e acampar faz parte, mas não de todos eles. O Glastonbury claro que é o mais famoso (afinal 100 mil pessoas comparecem fielmente ao evento…

  • O Guri foi,  Vida no Reino Unido

    O Guri foi: Marcus Miller ⭐⭐⭐⭐

    Na primeira vez que vim pra Londres (aquela a turismo e tal, quando me apaixonei pela cidade) estava rolando o London Jazz Festival pela cidade toda. Sendo meio músico a coceira no pé, na mão e no espírito jazzístico aumentou e fui num dos eventos gratuitos do festival. Este ano desembolsei £ 27 no ingresso pro show do baixista americano que-faz-coisas-de-ficar-abobado Marcus Miller. O ingresso era a segunda categoria de preços, o que significa que não, não era o mais caro. O show-espetáculo-concerto foi no Royal Festival Hall (não confundir com o chicoso do Royal Albert Hall), do ladinho da London Eye na área chamada Southbank Centre. Pois bem, vamos…