Guri no Mundo,  Noruega

Passeio nos Fiordes da Noruega

Nunca fui muito de água. Nadar, não sei direito. OK, não sei mesmo. Ainda assim, há anos atrás sentado na minha mesa na agência de viagens que trabalhei, lá no interior do Rio Grande do Sul, descobria o mundo pela tela do computador enquanto pesquisava destinos pros clientes. Sentia muito calor no trabalho. Entre a descoberta de um destino novo e outra eu ficava pedindo pra ligar o ar condicionado no frio ou se poderia ir trabalhar de calção – nunca pude. Uma destas descobertas foi os fiordes da Noruega. Um sonho nascia. E não imaginaria estar pedindo um vento frio no rosto ou me questionando por que não coloquei um calção, enquanto estava a bordo de um barquinho no meio dos fiordes.

Não era um cruzeiro, era apenas um passeio. “Apenas”, bem entre aspas, porque era exatamente o que imaginava. O barco Future of The Fjords é elétrico e livre de emissões no ar e no mar, feito de carbono e ganhador do Ship of the Year Award 2018. O estilo do barco, com algumas rampas, é inspirado na inclinação das montanhas da região. Ele é lindo e num estilo bem futurista – inclusive por ser elétrico.

barco future of the fjords nos fiordes da noruega
Barco Future of the Fjords. 100% elétrico e feito de carbono. Turismo sustentável. Foto: Brødene AA.

O barco ser 100% elétrico deu um toque a mais. O silêncio fazia com que o barco deslizasse com delicadeza e respeito sob as águas do Aurlandsfjord. Nada de tripulantes dando uma de guia ou de comediante. Até porque não precisava. O som da água passando com leveza pela proa e do vento soprando contra, somado ao som dos pássaros que voavam próximos do barco, compõem a trilha sonora perfeita pro momento. Há quem preferisse ficar dentro do barco, protegido do vento e do sol e bebericando algo quente da cafeteria deles. Mas não eu. Queria absorver cada trechinho do percurso, desviando o olhar das montanhas só pra ir ao banheiro.

O caminho do barco é em forma de um V. Quando sai do Aurlandsfjord e entra no Nærøyfjord é que a vista mais impressionante se apresenta. Montanhas gigantes de ambos os lados, com uma fina névoa escondendo as que estão mais ao fundo. Pássaros dançando na frente do barco com leveza e sincronia. Pessoas com olhares perdidos na imensidão e alguns destes olhares acompanhados de lágrimas. Seriam por causa do vento no rosto ou de emoção mesmo? Vou acreditar ser de emoção – ao menos as minhas eram.

fiordes da noruega
Olhar esta foto me traz as emoções de estar lá pessoalmente. Obrigado natureza por ser tão incrível.

Pra acompanhar esta beleza e imensidão, quando o barco entrou no segundo fiorde, o Nærøyfjord comecei a ouvir vozes. Pareciam anjos, com uma suavidade incrível. Será que colocaram música? Não. No deck superior estavam cerca de 20 gurias também olhando pro horizonte enquanto faziam todo mundo se arrepiar com suas vozes. Desejo que todo mundo tenha a mesma sorte, de fazer o passeio no mesmo dia que o coral Ysgol Gerdd Ceredigion. Eles são de Teifi Valley no País de Gales e estavam fazendo uma viagem celebrando os 25 anos de coral. A velha história do “estamos de aniversário mas quem ganha o presente é você” fez mais sentido neste momento. Dá uma olhada nesta apresentação do coral:

Toda aquela beleza e leveza embaladas pela voz suave e harmoniosa do coral fez o que era um sonho, parecer um sonho daqueles que a gente não quer acordar. Sentia dentro de mim a paz da harmonia que as vozes e o lugar criavam juntos enquanto o vento insistente vinha ao meu encontro, mas minha mente ignorava e o corpo nem cogitava buscar proteção. O total do percurso foi cerca de 1:50, mas estes 15 minutos são os que mais espero poder revisitar sempre que quiser num fechar de olhos.

Vibração e paz ao mesmo tempo.

Nem que queira não tem como esquecer aquele o passeio silencioso pelas águas calmas do Aurlandsfjord; as montanhas rochosas com pouca vegetação; o céu límpido e com um sol insistente; o cheiro doce; o silêncio quebrado pelas pessoas impressionadas; e a sensação calma e despreocupada de um ex-agente de viagens realizando o seu sonho.

COMO IR

Reservei o passeio diretamente com a Visit Flåm aqui. Até Flåm fui de carro. Saiba algumas curiosidades da Noruega aqui.

O passeio acontece todos os dias do ano. Recomendo sair de Flåm e ir até Gudvangen, mas há a opção de fazer o sentido inverso. O ingresso inclui o transfer de retorno até a cidade de onde o barco saiu – cerca de 20 minutos. Consulte os horários de saída aqui.

Planeje sua viagem com os parceiros que eu confio e uso:

2 Comments

  • Goreti

    Emocionante o teu texto, emocionante, enquanto lia pude sentir um pouco da paz que sentisse nesse lugar abençoado….Muito obrigada por dividir conosco esse sonho….E pode ter certeza que deixaste em mim uma vontade louca de conhecer esse lugar incrível. Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *