GURI IN LONDON

Inglês do curso vs. Inglês da vida

A gente gasta um monte com cursos de inglês e quando vai falar que é bom, não sai. Ou até ai, mas ao ouvir a resposta a gente entra naquele pequeno pânico de não entender a resposta…

Isso basicamente acontece porque a gente aprende uma forma de perguntar, falar ou responder e no dia a dia usa outra forma. Aí eu te pergunto: pra que aprender só uma forma, e além de tudo a mais engessada delas?

1. Palavras e frases prontas
O que é muito normal pra gente é responder de forma mecanizada algumas coisas. Mas não dá pra se limitar a uma forma de falar. Por exemplo: a resposta padrão pra “thank you” é “you’re welcome” certo? Sim. Mas tem várias outras que são usadas: no problem, no probs, no worries, my pleasure, it’s OK, anytime.

O mesmo acontece com:
What’s your name / How can I call you?
How old are you? / What’s your age?
What can I get you? / What are you going to drink? / What are you drinking?
How are you? / How have you been? / Are you alright? / Are you OK?
I’m fine. / I’m OK. / I’m alright. / Not too bad. / I’m still alive.

2. Tente falar o máximo possível no dia a dia.
As coisas vão sair de forma mais natural. Não só o aprendizado, mas também o que vê em séries e filmes.
Pra ganhar US$ 10 de crédito com a iTalki clique aqui. Com a iTalki tu tem uma aula feita pra ti, com professor nativo e no teu nível de aprendizado. Nada de aula e métodos chatos.

3. Assista filmes e séries.
Além destes exemplos, o que eu recomendo também é assistir séries e vídeos em inglês com alguém que seja daqui. Assim tu vai ver o uso das frases e palavras e aprender a forma mais natural do inglês. Friends e How I Met Yor Mother são bons exemplos disso. Se achar uma vez que alguém falou “I’m fine thanks, what about you?” me avisa, bele?

Tem, dicas sobre o aprendizado também? Me conta ali nos comentários? Tem mais dicas nos links a seguir e também aqui.

Veja mais:
Como eu aprendi inglês.
Dicas de inglês no geral.
Falsos cognatos.
Bate-papo com uma inglesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *