GURI IN LONDON

Imigração a turismo em Londres

Tu já deve ter ouvido falar que a imigração em Londres é chata, que eles são exigentes e isso e aqui. Pois bem, tenho que dizer que muita coisa é verdade sim. Maaaaaaas…

O que ninguém fala é que se tu vieres bem preparado, com os documentos certos e etc, não há o que temer. Uma coisa importante: não é necessário visto para Londres em viagens de turismo de até 6 meses. O visto é na verdade concedido no momento de chegada no aeroporto.

Ao te atender, o oficial de imigração (lembra, ele não te conhece) vai decidir se deixa ou não tu entrar no país (tudo vai dar certo, calma). No caso de brasileiros o “medo” é que a pessoa entre no país e fique morando ilegalmente, então o que tu precisa provar pra ele é que tem vínculo no Brasil e precisa retornar; e que tem condições de se manter no país. Dá uma olhada em todas as dicas:

O que precisa mostrar ao oficial de imigração no momento da chegada:

  • Quem é você
    – Passaporte válido pro período total da estadia
  • O que você faz?
    – Carta da empresa onde trabalha: especificando o salário, o dia que retorna das férias e o que mais julgar importante pra comprovar o vínculo com o Brasil.
    – Se for dono da empresa pode ser pro-labore ou contrato comprovando.
    – Estudante: matrícula da Universidade ou então carta comprovando que está matriculado ou de férias. Currículo escolar mostrando o andamento do curso também pode ser interessante. Se for o caso de os pais pagarem a viagem, precisa dos documentos deles comprovando o que eles fazem
  • O que vai fazer no Reino Unido?
    – Roteiro de viagem: é importante saber o que vai visitar pelo país.
    – Vouchers: é essencial mostrar onde vai ficar hospedado. Pode ser o voucher do hotel ou então carta-convite de amigo declarando que vai ficar na casa dele.
    – Dinheiro: não há no site do governo nada que diga o valor mínimo recomendado por dia. Vai do bom senso e de planejamento mesmo.
    – Passagem de ida e volta: pra comprovar o dia da saída do Reino Unido.
  • Documentos adicionais e informações complementares
    – Passaportes antigos, se houverem
    – Documentos de casa ou carro, se houverem
    – Todos os documentos devem ser originais
    – Todos os documentos devem ter uma tradução em inglês (recomendo uma tradução simples, maaaaas no site pede que seja inserido os dados do tradutor – ou seja, por sua conta e risco, beleza?).

Viu só, se preparando bem não há com o que se preocupar. Dê sempre respostas diretas e objetivas. Vem tranquilo e confiante que tudo vai dar certo e lembrando que não tem nada a esconder.

Tem alguma dica adicional ou um relato da imigração de Londres? Usa o espaço dos comentários pra me contar tudo e ajudar outras pessoas, combinado? 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *