taxi de londres black cab levc eletrico hibrido ao lado de um taxi tx4 branco motorista carlos na regent street
Turismo em Londres,  Vida no Reino Unido

Como é o táxi de Londres, o Black Cab – com motorista brasileiro

Você já teve curiosidade em saber como é um táxi de Londres por dentro? Eu também! Quem fabrica? Como parar ele? Sempre ouvi falar que os motoristas são muito qualificados e olha… Encontrar o Carlos me provou isso.

Apesar de morar em Londres desde 1989, o Carlos é motorista de black cab desde 2011. Ser taxista em Londres não é algo do tipo “vou comprar um carro, comprar a licença e sair bem loco”. Não não…

O teste (The Knowledge of London)

Tudo começa com o The Knowledge. O teste pra ser taxista demora de três anos e meio a quatro anos e meio pra ser concluir. O Carlos demorou quatro anos e quatro meses e me comentou que tem pessoas que estão na luta há mais de 12 anos.

Por que tão difícil? A ideia é excelência em atendimento e serviço. As ruas precisam estar na cabeça de uma forma tão organizada como o próprio carro. O táxi em si é apenas um detalhes. Há um teste de direção também, porém o foco é no conhecimento. Os taxistas tem que estudar 320 rotas diferentes e conhecer todas as ruas e pontos de interesse num raio de 400 metros do início e final destas rotas. Há alguns esquemas de aluguel de scooter para quem está estudando para este teste poder ir aos locais e estudar no local.

Uma vez que o taxista passa o teste recebe sua licença (obrigatório usar no pescoço e num adesivo no vidro traseiro).

O black cab

Quem fabrica o famoso black cab atual (o híbrido) é uma subsidiária da chinesa Geely. A fábrica é baseada em Coventry, na Inglaterra. Se você observar atrás destes novos táxis vai notar as letras LEVC, que significa London Electric Vehicle Company. O carro é híbrido, funcionando com uma combinação elétrico + gasolina.

O tempo pra carregar o táxi até 100% é de uma hora. Isso rende uma autonomia de 70 milhas (aprox. 110km). A rotina normal dos taxistas é de carregar ele no fim do dia pra estar pronto na manhã seguinte; trabalhar pela manhã; carregar novamente no almoço; seguir trabalhando até o fim do dia, feliz e sorridente.

volante de um levc taxi de londres black cab

Os táxis anteriores (TX4 e anteriores) cabiam cinco pessoas. O novo táxi de Londres cabem seis pessoas. Claro que se pegar ele pra ir do aeroporto pro teu hotel, com malas e etc, já é uma outra história! Em até três pessoas diria que é OK. Isso porque o táxi não tem porta-malas, então elas vão com os passageiros (é muito espaçoso) e do lado do taxista.

O pagamento pode ser feito com cartão ou dinheiro, e não há obrigatoriedade da gorjeta. Se o taxista respondeu algumas perguntas, esperou por ti, ajudou com malas, essas coisas, é de bom tom dar um pouco a mais, mas não tem um valor definido. Eu diria pra arredondar considerando 5% a 10% de gorjeta. O que é comum é as pessoas arredondarem o preço pra cima. Mas se não fizer isso, não é considerado rude ou mal educado, não te preocupe.

Na porta tem um botão com um desenho de um microfone. Este botão ativa e desativa o microfone, caso deseje um pouco mais de privacidade. Ah, aproveite o teto de vidro! =)

Como usar o táxi em Londres?

Se você participar do passeio da realeza, tem um trechinho de táxi já incluso no passeio. =D Saiba mais aqui.

Muito simples: a luz laranja em cima dele está acesa, é porque está disponível. Basta fazer sinal que ele para. Como ele é obrigado a te levar por ter parado (com a luz acesa) pode ou falar o destino pra ele pela janela; ou então entrar no táxi e falar conforme ele já vai arrancando.

Ao final, o pagamento é feito dentro do táxi mesmo. Ao contrário do que algumas pessoas acreditam, não precisa sair do táxi e fazer o pagamento pela janela.

frente do taxi de londres black cab motorista carlos na regent street

Também tem a briga Uber x táxi em Londres?

Houveram manifestações por parte dos taxistas há um tempo atrás, mas faz tempo que isso não rola mais. Pra ser sincero, eu até entendo o lado deles, porque estudaram por tantos anos pra se qualificar pra função. Mas como o Carlos comenta no vídeo, tem cliente pra todo mundo! O que eu acho também é que no caso de Londres são perfis totalmente diferentes de serviço. O Uber pode até ser uns 20% mais barato que o táxi, mas o taxista não depende de um aplicativo pra traçar tua rota, e sabe o que fazer caso pegue congestionamento.

Se for usar Uber pela primeira vez, tem desconto com meu código rafam44ue.

Como contratar o Carlos?

O Carlos faz transfers dos aeroportos de Londres pro hotel e vice-versa. Pode mandar uma mensagem pra ele pelo Instagram dele (aqui) – avisa que foi indicação minha que ele te responde rapidinho. Caso não use Instagram, entre em contato comigo com os detalhes que te envio um orçamento.

Agora tu me conta: já andou no black cab, o táxi de Londres? O que achou?

Planeje sua viagem com os parceiros que eu confio e uso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *